vídeos de pré-consulta infantil

Quem nunca sentiu aquele medinho antes de uma consulta no dentista que atire a primeira pedra. E se os adultos já têm esse receio, imagine então quando colocamos na perspectiva de uma criança. É por isso que uma prática recentemente listada no Manual da Odontopediatria, a de envio de mensagens positivas pré-consultas, vem sendo utilizada pelo curso de Odontologia da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) no atendimento infantil.

Estas mensagens se mostram muito importantes para driblar o problema e deixar os pequenos pacientes mais confortáveis. No entanto, com a pandemia, os profissionais passaram a receber as crianças já paramentadas, por motivos de segurança e higiene, o que dificultou este contato inicial. Mas foi aí que entrou uma solução criativa: a Odontologia UCPel agora produz vídeos para pré-consulta infantil, a fim de melhorar a recepção no atendimento.

“A técnica faz todo o sentido nesse período em que o dentista já precisa aguardar o paciente totalmente paramentado, com máscara, touca, pijama, face shield e jaleco”, explica a professora do curso, Luísa Jardim de Oliveira. 

vídeos de pré-consulta infantil

Odontologia produz vídeos para pré-consulta infantil

A grande vantagem da apresentação em vídeo, é que a criança chega para sua consulta já sabendo com quem e o que irá encontrar. Em especial, chega sabendo o rosto e a voz do dentista à frente do atendimento. Assim, a prática espanta aquela estranheza inicial que poderia existir. “Temos notado que esses vídeos  proporcionam às crianças um ambiente mais viável e as crianças estão chegando mais preparadas para os atendimentos”, completa Luisa. 

Agora, engana-se quem possa pensar que este trabalho de preparação é simples. Tanto que juntas neste projeto, atuam, além da professora Luisa, a professora do Programa de Pós-Graduação em Odontologia da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Mariana Cademartori, a professora da UCPel Gabriela Pinto e as egressas do curso de Odontologia da UCPel, Gabriela Rocha, Marcella Barcellos e Eduarda da Silva (mestrandas em PPG’s da UCPel, UFGRS e UFPel).

É uma verdade força tarefa montada para tornar estes atendimentos cada vez mais amigáveis aos pequenos. As seis realizam uma avaliação técnica de cada consulta e, e as mestrandas utilizam as informações para desenvolverem um artigo relatando os pontos positivos observados.

O fato é que, com os ânimos controlados e com a confiança estabelecida, estas consultas odontológicas já se tornaram menos “assustadoras” para a criançada. E para quem as realiza, fica o sentimento de estar fazendo a diferença para as famílias, como podemos acompanhar no vídeo abaixo.

Solução aprovada

A ideia da criação do vídeo, como forma de preparação aos pacientes, foi amplamente aprovada pelos pais. Lutiane Machado, mãe de Sofia Machado, de 12 anos, conta que a filha gostou tanto da iniciativa que decidiu retribuir. “A Sofia ficou mais tranquila na visita ao dentista. Ela gostou tanto, que também fez um vídeo de agradecimento e enviou às gurias”, relatou a mãe.

A estratégia não é apenas benéfica para o psicológico dos pacientes, mas também para o próprio tratamento em si. Pois de acordo com algumas pesquisas, acalmar os ânimos do paciente através de uma comunicação digital, a chamada teleodontologia, gera resultados positivos na saúde bucal. E é por isso que a Odontologia UCPel produz vídeos para pré-consulta infantil, a fim de sempre buscar o aprimoramento da atividade.

Para as acadêmicas do sétimo semestre, Gabriele Teixeira e Cássia Castro, os efeitos até aqui foram ótimos. “Os pacientes ficam mais tranquilos porque já conhecem o cenário que vão encontrar”, diz Gabriele. Na percepção de Cássia todo o tratamento melhora a partir desta apresentação prévia. “Não existe nada mais gratificante do que conseguir devolver o sorriso às crianças, vê-las felizes no consultório e se sentindo bem”.

Agora que você conhece mais sobre as estratégias da odontologia, não deixe de espalhar este incrível trabalho para outras pessoas. Se você conhece alguém ou tem algum familiar que precise realizar uma consulta odontológica, saiba que as mesmas são oferecidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no Campus Saúde Dr. Franklin Olivé Leite. A clínica atende crianças de até 12 anos, e pacientes especiais (sem limite de idade). Basta entrar em contato pelo telefone (53) 2128-8511 e agendar uma consulta.

Também não deixe de conferir mais conteúdos sobre o curso de Odontologia no site.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *