Pesquisa quer conhecer detalhes da convivência familiar na pandemia


918  30 de agosto de 2020

Os cursos de Odontologia das Universidades Católica de Pelotas (UCPel) e Federal de Pelotas (UFPel) lançam pesquisa para identificar os impactos provocados pela pandemia em crianças de zero a 12 anos e na relação com seus cuidadores. Intitulada COnVIenDo em Família, o estudo quer analisar como os núcleos familiares estão enfrentando esse período com as crianças em casa.  

Através de questionário com tempo de médio de respostas de 15 minutos, informações sobre rotina familiar, impactos financeiros, alterações de hábitos alimentares, rotina de higiene bucal, tempo de uso de tela pela criança, violência doméstica e familiar, acesso a serviços de saúde, entre outros, serão colhidas. As questões são voltadas para os pais, responsáveis legais ou cuidador principal das crianças.  

De acordo com a professora da UCPel, Luísa Jardim de Oliveira, os resultados do estudo irão gerar, além de publicações científicas, materiais educativos voltados à população e aos profissionais de saúde. “O principal objetivo do nosso estudo é identificar formas de acessar essas famílias, levando em conta o distanciamento social, para proteger crianças e oferecer auxílio aos seus cuidadores”, explica.  

A pesquisa das Universidades está sendo realizada através de formulário on-line, disponibilizado via redes sociais no perfil do Instagram @pesquisaconvivendoemfamília. Outra forma que os pesquisadores vem atuando é através do envio do questionário via whatsapp para usuários das Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) administradas pela UCPel. 

A meta do grupo neste momento é aumentar a participação das famílias pertencentes às classes D e E. “ Queremos acessar todas as famílias para compreender o que ta acontecendo com as crianças durante o distanciamento social de uma forma mais representativa”, completa.

Pela UCPel, além da professora Luisa, também ligada ao Mestrado Profissional em Saúde no Ciclo Vital, integram o estudo as docentes Patrícia Guerreiro, Beatriz Bidigaray e as alunas do curso de Odontologia Camila Amaral, Jaiane Freitas e Carolina Moura, além da mestranda da Universidade do Texas com atividade na UCPel, Rejane Andina Teixeira. Pela UFPel, o docente Marcos Correa e a doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Odontologia, Letícia Sartori. 

 

Redação: Rita Wicth – MTB 14101    

 

Deixe um Comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*